O que você faz pra ser feliz?



Certo dia, me perguntei isso; - O que eu faço para ser feliz?
Todo mundo já está careca de saber que a felicidade está nas coisas simples e que normalmente nos, não enxergamos isso com tanta clareza. Mas estava pensando em uma felicidade maior, mais completa.
Eu era feliz! Tinham muitos motivos que me faziam feliz. Saúde, um filho lindo, uma casa, um namorido mega companheiro, uma família unida, um emprego bacana (ops) ... foi aí que o negócio pegou.
Sempre achei que encontraria a minha felicidade se além das coisas citadas eu estivesse trabalhando em uma empresa bacana, com um cargo legal, com responsabilidades da minha área, mas de coração, nunca tinha me encontrado. Sempre tive empregos legais, em empresas fantásticas, em áreas completamente diferentes, com chefes ótimos, mas... sempre faltava aquele Plus.
Quando decidi partir para a confeitaria, por mais louca que a ideia parecesse, acendi uma pontinha de esperança de que era isso que faltava.
Cada bolo que deu errado, cada recheio que não criou a consistência, cada sabor novo a criar, todos esses percalços só me animam mais e mais a aprender.
Passo as minhas horas vagas, assistindo vídeos, lendo matérias, acompanhando programas, falando com as pessoas sobre – BOLOS e afins.
E tantas vezes que falaram que eu era louca porque queria largar tudo e ser boleira. E tantas vezes que falaram que é um ramo saturado e que não tem público. E tantas vezes que falaram que isso era falta do que fazer. E tantas vezes que falaram que trabalho é trabalho e que não é fonte de felicidade.
E tantas pessoas admiraram a minha coragem de buscar o que me fazia feliz. E tantas pessoas que me apoiaram na decisão. E tantas pessoas que entenderam que eu precisava tentar!  
Bom, cá estou eu, mãe do Caio, profissional de Mkt, mulher do Uli, filha da Edna, vegetariana, boleira, proprietária da Miá Bolos e muito feliz. =)
E você, está fazendo o quê para ser feliz?

Até a próxima,
Gabriela Gaeta

Miá Bolos – 19. 99996.9108
Insta: @mia.bolos
Face: Miá bolos

CONVERSATION

0 comentários:

Postar um comentário

Back
to top